Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Chamem-lhe parva !

por Pequeno caso sério, em 20.10.17

Andava aqui contida  para não falar nisto pois o assunto já enjoa. 'Pá, não dá. É muita alarvidade junta . Até para mim.

 

Começo por dizer que gosto da Madonna enquanto artista dado que fez parte da minha adolescência. Se recuarmos ao início da carreira , ela foi de facto pioneira em muita coisa. 

Hoje em dia compraria um disco dela? Não. E muito menos gastaria o meu rico dinheirinho para ver um concerto onde antevejo muita luz, muito bailado , muita pirotecnia para distrair daquilo que é essencial e que ela (já) não tem : voz !

 

Posto isto quero também dizer que tooooooodooooo o carnaval que se tem gerado à volta da vinda da mulher para cá é , no mínimo, ridículo. Tenho para mim que se a mulher engarrafasse os peidos que dá , tinha ali uma boa fonte de rendimento (fica a dica, Madonna filha. Não precisas de agradecer pois temos de ser umas 'pás outras nas alturas de aperto)

 

Aqui chegados é preciso dizer que a mulher anda com muita dificuldade em comprar casa em Lisboa, tadita , anda fartinha de procurar. 

Parece que finalmente encontrou : A Quinta do Relógio,  fica em Paço de Arcos, Oeiras, encostada à marginal,mesmo em cima do mar. Tem sete quartos, três casas de banho, garagem para quatro carros, uma área bruta de 1600 metros quadrados e um terreno com mais de cinco mil. Nada mal, não senhor MAS ao que parece a coisa não se vai concretizar pois Madonna quer ficar a viver na propriedade durante um ano à borlix até ver o que a coisa dá e , findo esse tempo, logo decide se compra ou não. Em contrapartida , propõe ao dono  financiar as obras de melhoramento da casa.

Como o dono não sabe a quantia que Madonna quer gastar , e temendo que fosse ao AKI comprar todo o material ou pior ainda, chamar a  Bárbara Guimarães e o seu belo programa "E agora, o que é que eu faço?" para remodelar o seu palacete , mandou-a cagar pensar melhor naquilo que quer ou então, apresentar uma proposta séria.

 

 

Sim senhor, um palacete à beira mar...um ano à experiência...e depois logo se vê se compra ou não.

 

'Pá , estou a pensar fazer o mesmo com os senhores da Caixa Geral de Depósitos que me emprestaram guita para  a compra da casa :

" Olhem, pois que fui muito feliz à experiência durante este tempo todo mas afinal descobri que não me adaptei , por isso não compro ...agora agradecia que me devolvessem o meu guito pois a experiência acabou, sim?"

 

Madonna filha, és uma visionária , pá. 

csscissors.jpg


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



foto do autor




Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.