Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




À bientôt, mon amie

por Pequeno caso sério, em 16.07.18

Sei que estão habituadas à parvoeira mas desta vez, a coisa tem outro tom. Se quiserem fazer a amabilidade de continuar a ler, já vão perceber porquê. 

 

Esta coisa dos blogs  pode ter várias motivações.Cada um saberá porque começou,qual o rumo que lhe deu e as consequências que daí tirará. Sempre fui despretensiosa acerca deste canto e , honestamente, nunca pensei que isto tivesse o lugar que ocupa hoje na minha sanidade mental rotina diária .

 

Um dia, uma grande Senhora com quem tive a felicidade de me cruzar nestas avenidas blogosféricas, teve a amabilidade de se oferecer para fazer disto um blog à séria no que à forma diz respeito.

Fiquei sensibilizada..por vários motivos. Primeiro, porque essa pessoa era (e é) um exemplo no domínio da escrita e escolheu ajudar-me de forma absolutamente abnegada tirando para isso, do seu valioso tempo. Depois, porque tinha (e tem) a capacidade inata de me levar a revisitar os cantos mais escondidos de mim. E acreditem,não é tarefa fácil.

O tempo foi passando e acho que posso dizer que nasceu entre nós uma amizade. Sei que isto parecerá estranho mas é o que sinto por esta grande Senhora da qual só sei o nome porque ela inadvertidamente, deixou escapar e eu, atenta ao pormenor, retive. Assim como retive todas as gargalhadas que me fez dar mesmo nos dias filhos da puta. E foram muitas.Tantas.

Um destes dias, sem que nada o fizesse prever, deixou - nos um último post. Sem direito comentários. (Murro número um)

Reação imediata? Contactar através do mail e aguardar resposta. Segundos depois, a resposta chegou: 

     "A conta de e mail já não existe."

(Murro número dois). 

"Ok...pensa..tem de haver uma maneira de saber o que se passa...ah espera...não há!"

 

E essa é que é a grande merda.

Não posso fazer rigorosamente nada a não ser esperar que ela me contacte. Ou me leia. Como a primeira opção é pouco provável, vou arriscar a segunda.

 

"Querida Gaffe,

espero que te encontres bem mas sobretudo,em paz. 

Não gostei que tivesses partido sem pré-aviso mas calculo que tenha sido essa a maneira menos dolorosa que encontraste para te...despedir de quem te seguia. Aceito. Contrariada, mas aceito. Resta-me apenas esperar que, se quiseres, me contactes. Ou que um destes dias , decidas voltar a escrever para nós. Continuarei a visitar o teu blog, à espera que isso aconteça. Diariamente.

Se não acontecer nenhuma das opções anteriores, resta-me a terceira, que honestamente espero não aconteça tão cedo...o tio Lúcifer vai adorar ter as duas por perto. Quem chegar primeiro, guarda lugar para a outra. Uma com Dior, outra com Chanel. Ambas lambuzadas com alheira até aos cotovelos. 

Chama-lhe premonição, intuição ou apenas maluqueira da brava...mas o certo é que sem saber muito bem porquê,guardei uma foto das nossas primeiras trocas de palavras a propósito da rubrica do Sapo "Como eu blogo". Atenta na data : 8-5-2016. 

O curioso é que, dois anos passados, não mudava uma vírgula do que escrevi. 

Gaffe.jpg

 

 

 

 

 

P.S- enquanto o reencontro não se der, estarei no sítio do  costume . Até já. 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)


12 comentários

Imagem de perfil

De Pequeno caso sério a 16.07.2018 às 19:16

Obrigada por teres respondido.
:)*

Depois de mais um dia FDP , eis que chego a casa (com zero esperança que me respondesses) e aqui estás para provar que o meu sexto sentido estava certo. Mil vezes obrigada por teres respondido e suavizares mais um dia FDP...começo a achar que tens um radar que deteta estes dias e apareces para os tornar mais leves .

Fui pesquisar a "Casta Diva" pois não fazia a menor ideia do que se tratava. Escolhi a versão da Callas . Estão 28 graus e eu tenho pele de galinha. Acertaste em cheio. Teria adorado estar aí contigo. Como vês, já me conheces um bocadinho e por isso sempre quero ver quem me vai agora mostrar o mundo que não conheço ...


Vem sempre que quiseres. Cá estarei de braços abertos para te receber...como os amigos fazem.

Não precisas de crescer...já és ENORME...só que ainda não sabes. Take your time, my dear friend.


Verifiquei a tua conta . Várias vezes. Deu sempre esta mensagem :

"Gaffe (maildagaffe@gmail.com)
Não foi possível localizar o endereço para o qual enviou a sua mensagem no domínio de destino. Pode estar mal escrito ou já não existir..."


Eu é que te agradeço tudo o que me ensinaste sem saber.


Partir NUNCA é fácil. Ficar também não...por isso , até já !


Um abraço apertado, longo e silencioso, como só os amigos sabem dar.
Imagem de perfil

De Gaffe a 17.07.2018 às 16:34

Respondo, mas agora posso levar muito tempo.
:)

(Falta-te o "e" no e-mail: emaildagaffe@gmail.com)

A Callas foi a melhor escolha. Ninguém como ela canta esta ária. É soberba.
Nunca te ensinei nada. Apenas descobrimos juntas que há mais mundo.
:)))
GOSTO MESMO MUITO de TI.

Imagem de perfil

De Pequeno caso sério a 17.07.2018 às 22:18

Ups...faltava o "e"...eu e a minha azelhice...
Prometo que não te invado o mail muitas vezes. Fica atenta e responde quando quiseres/puderes.

Que tudo te corra pelo melhor ,minha amiga.

Comentar post



foto do autor




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.