Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Culinária Portuguesa

por Pequeno caso sério, em 29.10.21

Todos os frequentadores deste antro de maluqueira sabem que sou bom garfo. As minhas amigas também. Acresce o facto de elas também saberem o quanto gosto de assistir a programas de culinária (embora deteste cozinhar) . E não querendo deixar passar em branco esse facto relevante, uma delas decidiu enviar-me a seguinte mensagem: 

 

Tu, que gostas de comer, e és viciada no 24 Kitchen, vais finalmente ter a oportunidade de perceber a Culinária Portuguesa em apenas três níveis:

 

Screenshot_20211019-202401_WhatsApp.jpg

 

 

 

 

* Eu sei, Edites Estrela da internet. É  saber lidar com o facto dos acentos estarem mal colocados

csscissors.jpg

Tags:

Uma anedota por dia, não sabe o bem que lhe fazia # 56

por Pequeno caso sério, em 28.10.21

Rui encontrou o amigo Jaime na rua e como já não se viam há algum tempo dedide fazer a típica conversa de chacha:

'Tão pá, há tanto tempo que não te via!

- É verdade...

- E como vai a vida?

- Olha, vai indo...

- Pareces um bocado abatido pá!

- É normal...

- 'Tão? 'Tás doente?

- Não...

- 'Pá, não me digas que acabaste com a tua namorada xnêsa que era linda!

- Não, ela é que acabou comigo...

- 'Tão porquê?! Vocês davam-se tão bem! 

- Olha, acabou comigo porque dizia que eu era muito inteligente!

- O quê?! 

- Exatamente isso que ouviste...

- Mas desde quando é que isso é razão para acabar um namoro?

- Olha, pergunta-lhe a ela... sempre que fazíamos amor levava o tempo a dizer "Muito culto! Muito culto!"

 

 

csscissors.jpg

Explicit Content 🛑

por Pequeno caso sério, em 27.10.21

Alcobaça era conhecido pela sua fama de engatatão. Marchava tudo o que lhe aparecesse e no local de trabalho não havia colega que já não tivesse passado pela sua mão.

Um dia apareceu uma estagiária, linda de morrer, que rapidamente deu nas vistas.

Alcobaça afiou as garras e delineou um plano para se aproximar da miúda que era conhecida no escritório por Riscadinha.

Alcobaça mandou-lhe flores.

Alcobaça mandou-lhe chocolates.

Alcobaça deixou em cima da sua secretária um perfume.

Tudo de forma anónima pois fazia parte da sua estratégia de caça.

Foram meses deste mistério.

Riscadinha andava morta de curiosidade para saber quem seria o admirador secreto.

Um dia recebeu apenas um bilhete que dizia "num dia não muito longe, quando menos esperares, vou-te comer"

Riscadinha sentiu borboletas no pipi e o certo é que a estratégia do astuto Alcobaça resultou. Foram apanhados na sala das fotocópias, em pleno ato, enquanto Alcobaça comia Riscadinha .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Certifiquem-se que estão sozinhas/os para ver o que se segue.

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Preparadas/os? (não sei se estão...)

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Screenshot_20211017-082742_Samsung Internet.jpg

 

Pequeno caso sério - 1

Leitoras/es taradas/os- 0

csscissors.jpg

Tags:

Os unicórnios também cagam 🦄💨

por Pequeno caso sério, em 26.10.21

Alzira cedeu à vontade da filha que fazia sete anos em ter a sua festa de aniversário em casa. A ideia de ter 30 putos aos berros e andar a descolar (dos sítios mais inusitados) caramelos de fruta meio mastigados, não era de todo do seu agrado MAS a miúda lá lhe deu a volta.

A miúda pediu especificamente que o tema da festa fossem os Unicórnios e Alzira, lá foi ao xnês mais próximo ver o que podia fazer. Comprou balões, velas, chapelinhos e o caralho-a-sete relacionado com o fabuloso mundo encantado dos cabrões dos cavalos brancos com um corno na testa e rabo colorido.

Encomendou numa página do Facebook um bolo com dois andares e o cabrão do cavalo no topo.

Porém, já com tudo organizado sentiu que faltava ali qualquer coisa de sua. Qualquer coisa que fosse de encontro ao tema escolhido pela miúda mas que fosse fácil de fazer pois o seu jeito para a cozinha não era muito. Pesquisou na internet e decidiu fazer suspiros mas com um twist. Chamou-lhes "Cocó de Unicórnio" :

Screenshot_20211017-090111_Instagram.jpg

E os putos? 

A-D-O-R-A-R-A-M.

csscissors.jpg

Tags:

Lista de compras

por Pequeno caso sério, em 25.10.21

Segunda-feira.

Aquele diazinho de merda em que tens de voltar ao trabalho e, como se isso não fosse penoso o suficiente,  tens de abastecer o frigorífico por conta do desbaste que levou durante o fim de semana.

Uma merda ter de ir ao supermercado, pois é? É sim senhor. Eu cá também não gosto. 

-Ah e tal, Pequeno caso sério, és tão práfrentex e não mandas o esposo fazer isso por ti? - perguntam vocês enquanto embandeiram a causa da divisão das tarefas domésticas.

Primeiros:

eu também sou adepta da divisão das tarefas. Se os dois trabalham e não querem /podem ter quem faça essas tarefas, então têm de alancar os dois.

Sigundos:

há "brigas" que já não compro e as idas ao supermercado é uma delas. Porquê? Porque todas nós sabemos que quando mandamos um gajo ao supermercado há sempre um telefonema. A não ser que lhes façamos uma lista muito explicadinha. E quando digo muito explicadinha, é mesmo muuuuuiiiiitttttoooo explicadinha :

 

Screenshot_20211003-135429_WhatsApp.jpg

csscissors.jpg

Sabedoria popular#2

por Pequeno caso sério, em 22.10.21

Na sequência de uma observação feita acerca de uma gaja pessoa que só faz merda na vida, eis que sou brindada com o seguinte ensinamento que levarei para a vida:

 

Passarinho que come pedra sabe bem o cu que tem

 

 

 

csscissors.jpg

Sapatos

por Pequeno caso sério, em 21.10.21

Duas amigas combinaram sair depois da paragem forçada devido ao Covid. 

Cada uma em sua casa arranjou-se como quis por forma a brilhar naquela que prometia ser "A" noite de todas as noites.

Lá se encontraram no sítio e à hora combinada e estavam ambas deslumbrantes. 

Divertiram-se o mais que puderam mas durante a noite uma delas queixou-se muitas vezes com dores nos pés. E foram tantos os queixumes que a amiga perguntou :

 

Foda-se Lucília, se sabias que vinhamos dançar a noite toda porque é que vieste com sapatos novos?!?

 

- E que outra noite senão hoje tinha eu para usar uns sapatos do caralho ?

 

Screenshot_20210809-083519_Samsung Internet.jpg

 

 

csscissors.jpg

Tags:

Retrato de família

por Pequeno caso sério, em 20.10.21

Com o levantamento das restrições e o regresso das comemorações em família retornamos a um velho dilema:

 

Como tirar uma fotografia em que apareçam TODAS as pessoas presentes?

 

 

TCHANANNNNNNNN

 

Screenshot_20210611-191227_Instagram.jpg

csscissors.jpg

Tags:

À letra

por Pequeno caso sério, em 19.10.21

Carlos Eduardo queria fazer uma tatuagem mas estava quase teso.

Firme na sua decisão, e antes que se arrependesse, procurou um tatuador low cost.

Quando lá chegou travou-se o seguinte diálogo:

 

Então, já sabe o que vai tatuar?

 

- Sim , queria algo diferente aqui bem no fundo das minhas costas.

 

- Quer alguma tatuagem específica ?

 

- Queria...mas como estou com pouco dinheiro faz uma barata mesmo.

 

E o tatuador, obedeceu:

Screenshot_20210708-005413_Samsung Internet.jpg

csscissors.jpg

Tags:

Luxo (atualizado)

por Pequeno caso sério, em 18.10.21

Em outubro de 2021, luxo não é levar isto no braço:

 

 

Se querem virar todas as cabeças à vossa passagem, é isto que têm de segurar com todas as vossas forças :

 

Screenshot_20211015-182626_Instagram.jpg

 

csscissors.jpg

Pág. 1/3



foto do autor




Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.