Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ecological shit

por Pequeno caso sério, em 17.08.17

Imaginem uma fila de trânsito interminável ou imaginem que vão na estrada quando de repente dá- se vos uma dor de barriga daquelas bravas. Mesmo bravas.

A única coisa que têm vontade é de botar pra fora as entranhas...em dois segundos.Mas não podem, lembram - se ? Pois.

O que é que fazem? 

 

a ) sacam de um saco de plástico e resolvem a coisa ali mesmo, ao volante, fingindo que se estão a maquilhar;

 

b) aceleram o carro em direção à área de serviço mais próxima mas como vão em excesso de velocidade , a polícia vem atrás e vocês borram - se todas (literalmente );

 

c) param o carro calmamente numa qualquer beira de estrada, instalam numa das rodas a melhor invenção de todos os tempos, e arreiam o calhau da forma mais ecológica possível ;

2017-08-15 10.49.20.png

Duvido que tenham é tempo para fazer o buraquinho...

 

E a bilha? Mas que raio faz ali a merda de uma bilha?

Dassssss. Não têm mesmo visão nenhuma pá ! 

'Tão não se vê logo ? 

A bilha, é o autocolismo !

 

 

 

Tudo eu , pá ! Tudo eu !

csscissors.jpg

Apalpões

por Pequeno caso sério, em 16.08.17

Tenho uma confissão a fazer :

a minha mãe gosta de apalpar a fruta antes de a comprar.

Mais.

Para além de apalpar a fruta, ela "prova" a fruta à socapa. Uvas, cerejas e morangos estão no Top 3.

Depois disso vêm os apalpões. Apalpa tudo: melões, tomates, nectarinas, mangas and so on. Se há a hipótese de estar maduro/verde , ela apalpa.

Já ralhei .

Já discuti.

Já falei com calma.

Nada.

Ela finge que me ouve mas eu sei que ela continua a fazer o mesmo. 

 

Posto isto, acho que vou passar para uma estratégia mais...agressiva. 

2017-08-10 21.29.47.png

csscissors.jpg

Ó pra nóis tão amigas!

por Pequeno caso sério, em 15.08.17

Quando pensas que já viste tudo, eis que sô dona Ágata te consegue surpreender :

2017-08-14 22.32.56.png

E como se a foto não bastasse , fica a legenda , para que não restem dúvidas acerca desta genuína amizade:

"Uma simpatia de mulher...Conceição Cristas" 

 

AHAHAHAHAHHAHAHHAHHHHAHHHA...

csscissors.jpg

Desportos radicais

por Pequeno caso sério, em 14.08.17

Por estes dias descobri uma nova modalidade de desportos radicais, da qual me tornei adepta involuntariamente:

estender-a-roupa-no- ultimo- andar

 

(aviso já que levo anos de treino. O troféu está no papo!)

csscissors.jpg

A gaja e as 'ssoas nos aviões

por Pequeno caso sério, em 11.08.17

A gaja não gosta de andar de avião. Ainda assim, e se quer conhecer o mundo ,a gaja uma vez por ano lá se enfia umas (poucas) horas dentro do pássaro de metal .

Enquanto está lá dentro, a gaja arranjou maneira de se abstrair e identificou algumas espécies interessantes dignas de figurarem numa qualquer National Geographic.  A saber:

 

as assistentes de bordo - a gaja pensava que era condição essencial para ser assistente de bordo , falar inglês. Ora o que é que acontece? Acontece que elas falam uma língua que ninguém percebe um caralho para além da palavra "passengers". A gaja tentou, jura que tentou, mas não dá. Também não importa. Se aquela merda cair, ninguém lhes vai perguntar nada mesmo.

 

o comandante confiante- a gaja gosta de 'ssoas confiantes sobretudo quando se trata de alguém que está a conduzir uma lata, no ar, com uma data de gente lá dentro. O que a gaja já não gosta assim tanto é quando o comandante vem ao microfone dizer que é muito bom naquilo que faz, que a experiência é muita, que o tempo está uma maravilha (e portanto a viagem vai decorrer calmamente) e que , 10 minutos após a descolagem a merda do avião abane como gelatina. O comandante afirma a pés juntos que nunca aconteceu em muitos anos daquele trajeto. Tinha de ser hoje. Sorte da gaja.

 

o passageiro da frente- que insiste em deitar o banco para cima da gaja. A gaja fica fodida ! Ter de lidar com o nervoso já é mau. Se a isso acrescentarmos um espaço reduzido, temos a conjuntura ideal para a gaja ficar exaurida dos nerves!

 

o passageiro de trás- que insiste em empurrar com os pés (ou joelhos) as costas do banco onde a gaja vai sentada! Juntem o passageiro  da frente com o passageiro de trás e digam lá se não é uma maravilha? Pois. Podia sempre viajar em executiva não era? Não, não era que não ganho para isso. Uma merda ser pobre, fazer o quê?

 

 

o passageiro nervoso- enerva-se a ele e aos restantes. Abana o pé, abana a perna, roi as unhas e bufa exalando um hálito do demóine.

A-D-O-R-O! 

 

enfardadeira- a gaja é um bom garfo mas há limites. Comida de avião é um deles. A gaja fica sempre surpreendida com a capacidade que algumas 'ssoas têm de enfardar tudo o que vem no tabuleiro seja almôndegas de cagalhão ou água de lavar pés a que as simpáticas assistentes de bordo chamam café.

 

o socialão- esta espécie de passageiro age como se andar de avião fosse a coisa mais natural que existe mesmo sofrendo de tudo o que já descrevi acima. Acresce ainda o facto de , ao fim de 10 minutos , já está a meter conversa com toda a gente. Basta que alguém espirre . Não há pachorra. Uma 'ssoa com medo que aquela merda caia e o gajo a querer conversar. Cala-te e dorme, dasssssssssssss !

 

o soneca- aquele que apaga ainda o avião não descolou, acorda para enfardar tudo o que está no tabuleiro para apagar novamente logo a seguir. A gaja não sabe o que esta gente toma , mas gostava muito de saber (devia ter pedido ajuda ao socialão).

 

a figura pública- aquela pessoa que nos entra pelo écran dentro todas as noites, que viaja em económica -que isto está difícil para todos- mas que fica toda enxofrada quando é reconhecida mesmo que ninguém lhe tenha dirigido palavra e tenha respeitado a sua privacidade.Once a DIVA, always a DIVA.

 

 

 

E depois de tudo isto o que eu gosto mesmo é quando me dizem,

não percebo porque é que não gostas de andar de avião...

csscissors.jpg

Acabou - se o que era doce!

por Pequeno caso sério, em 10.08.17

E para a despedida , aqui fica um brinde abençoado pelos Deuses:

À nossa!

Que para o ano possamos brindar de um destino diferente!

20170731_122312.jpg

 P. S- sim, é limonada. Sou mesmo betinha!

csscissors.jpg

Esta loja podia...

por Pequeno caso sério, em 09.08.17

...ser minha, mas não é! 

Estou seriamente a pensar levar o franchising  para terras lusas. Parece que já estou a ver : 

" Precisa de uma camisa ou de uma gravata?  DASS !" 

 

E o potencial que esta loja tem para travar diálogos interessantes, hein?  Atentai:

 

"-Que camisa tão gira! Onde compraste?

- Dass.

-Olha o estúpido... Só perguntei onde tinhas comprado a camisa!!!

-Dass!

-Fode - te tu , ó parvalhão de merda! " 

2017-07-29 22.56.19.jpg

 

Vão por mim...estes gregos são danados para a brincadeira. 

csscissors.jpg

Smells like...

por Pequeno caso sério, em 08.08.17

Depois da rua que parece mesmo que foi feita a pensar em  mim, eis que num recanto  de Atenas, reparo numa estátua que passaria despercebida ao comum dos mortais . Eu disse ao comum dos mortais, não a mim, que tenho uma gigantesca propensão a ver maluqueira na mais pequena coisa. 

Olhei e pensei :

"Ah foda - se ...pareço mesmo eu a verificar se o cheiro a sovacum me pertence..."

20170729_180551.jpg

Eu sabia.

Eu sabia que algures neste mundo alguém me havia de dar o devido valor. 

Primeiro uma rua.Agora uma estátua.

Acho que me vou mudar para aqui. 

 

csscissors.jpg

Toponímia

por Pequeno caso sério, em 07.08.17

Toda a gente sonha em ter uma rua com o seu nome.

Eu também não me importava nadinha.

Na impossibilidade disso acontecer e dado o dom natural que tenho para atrair gente maluca , o nome desta rua serve - me que nem uma luva.

20170728_154840.jpg

csscissors.jpg

Pág. 2/2



foto do autor




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.