Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Blogosfera cor de rosa

por Pequeno caso sério, em 31.03.16

Ele há blogs para todos os gostos, é certo, e é normal que os mais visitados/comentados sejam aqueles que já cá andam há mais tempo.Tal como num negócio é preciso tempo para ter algum lucro e clientela fixa.

Basta um olhar atento para perceber alguns denominadores comuns entre a grande maioria deles.A saber:

 

1º- todos mostram invariavelmente fotos dos autores/as muito alegres e contentes, com modelitos que às vezes não lembram ao diabo! Falo das roupas e dos acessórios usados .E das bocas de peixe que fazem para as fotos. E dos óculos de sol que usam para camuflar algum estrabismo.Mas esta gente nunca acorda com olheiras até aos joelhos e com o cabelo num dia mau?

 

2º - publicam fotos das "crias" sempre todas sorridentes também. Mas será que os filhos desta gente não fazem uma birra? Não se sujam? Não têm nomes normais? Não têm remelas e ranho nas ventas ?

 

3º- as fotos dos respetivos animais de estimação também são muito "fófis": ora correm na praia, ora aparecem a lamber os donos, ora que são apanhados "por acaso" a fazer uma pose... Mas será que estes bichos nunca fazem merda digna de ser fotografada? Nunca partiram nada? Nunca sujaram nada?

 

4º- os produtos que publicitam ,que na maioria das vezes custam um salário mínimo nacional, e que são uma bela merda. Ou então publicidade a bolachas. Ou a leite com chocolate...(isto é que é saltar de registo  hein?!)  Será que testam mesmo todas aquelas coisas antes de escreverem sobre elas? Será que comem e bebem todas aquelas coisas de que falam? Até os suminhos detox??? Uiiiiii....'ca medo!!!!

 

5º- as casas onde habitam com closets que envergonhariam muitas lojas e que aparecem, invariavelmente, imaculadas. Mas será que esta gente não tem uma almofada fora do sítio? uma revista mal posta? uma moldura desalinhada? algum sinal de que aquela casa é habitada de verdade?

 

6º- a linguagem  que lhes deu identidade , que fidelizou muita clientela, e que se alterou em nome de uma censura inerente às "parcerias" que escolheram fazer. Mas será que esta gente não percebe que era MUITO MELHOR quando começou do que agora? Eu sei que recebem em troca da publicidade mas vender a alma ao diabo nunca foi bom negócio. Traz com certeza mais dinheiro mas e a identidade? Onde fica?

 

7º- publicam resmas de posts e depois não se dignarem a responder aos comentários que são feitos. "Ai mas são tantos...se vou responder a todos não faço mais nada". Pois , mas de vez em quando ficava bem interagirem com quem vos lê. Não sei, digo eu.

 

A lista podia continuar. Fiquemos por aqui. 

Pois que sim, também visito estes blogs todos e por isso falo enquanto consumidora. Mas isso não implica que goste de tudo o que leio e que concorde com todas as modificações a que tenho assistido.

É natural que surjam blogs como cogumelos.Há espaço para todos e cada um lê o que  quer mas  a blogosfera está cheia (e farta) de cenas cor de rosa. As pessoas reais não são assim, nem os seus filhos, nem os seus cães. As pessoas reais não têm dinheiro para consumir muitos dos produtos sugeridos. As pessoas reais não têm sempre as casas arrumadas porque lá dentro vive-se. As pessoas reais comem comida de gente e não essas merdas que aparecem fotografadas num qualquer restaurante XPTO. E mais importante que tudo, as pessoas reais identificam-se com determinados registos de linguagem porque FALAM assim. E gostam. Sem censura.

Garanto-vos eu que tenho dias em que parece que vi o susto ,qual lula deslavada , que GOSTO de comer , que uso (poucos) produtos que não impliquem gastar metade do meu salário, que tenho uma filha que tem um nome normal e quando era miúda se lambuzava toda com ameixa e com tintas  qual filha do  demo ,que nem sempre tenho as almofadas no sitio e as molduras alinhadas e que tenho um cabrão de um coelho que rói o que consegue e deixa  bolinhas onde pode. Ah......e que leio muitos blogs, não tão conhecidos como os demais mas que os superam em grande escala. E é por isso que lá volto todos os dias.

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Italians do it better (já dizia a Madonna)

por Pequeno caso sério, em 30.03.16

Minhas amigas...apresento-vos este menino:

Nyle Dimarco...vencedor do America's Next Top Model (cycle 22). Particularidades: é lindo de morrer; é italiano...(é lindo de morrer, já tinha dito?) e é....... surdo! Apesar de não ouvir e de isso implicar algumas más interpretações nas instruções dadas durante as sessões fotográficas  e de não ouvir a música e todo o barulho inerente a um desfile de moda, deu  o  seu melhor  e, contra todas as espetativas de algumas colegas de concurso cabras! levou a melhor! 

Nyle filho, tens aqui uma fã!

Calma, mulherio, calma.....é só a mãe do rapaz! Minha senhora, tenho uma coisa para lhe dizer:

Abençoada....."hora" (chamemos-lhe assim) em que fez este menino! 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Detox

por Pequeno caso sério, em 30.03.16

Tinha de falar sobre isto sob pena de me dar uma coisinha má.

(Desculpem lá a linguagem mas tem de sair assim.)

Sumos detox ou sopas detox ou o ca#$%&#...Uns verdinhos, outros roxos, outros amarelos outros cor de ...exato!

Mas isso lá é comida de gente ? 'Qué esta merda de mania agora?!

Então mas há gente que come sopinhas e suminhos todos verdinhos por OPÇÃO?

Mas 'tá tudo maluco ou quê?!

Não me venham com merdas a dizer que gostam, e que até é bom que é tudo uma questão de hábito...

Haviam de ser OBRIGADAS a passar fome por questões de saúde e logo viam onde é que metiam as cenas detox...

Deve ser 'muita bom ir à sanita 26 vezes por dia e deixar lá um cheiro nauseabundo...Eu sei que NINGUÈM come sabonetes mas já pararam para pensar nas pessoas que têm de utilizar a mesma casa de banho a seguir a vocês?!  Aposto que não!!!

No sítio onde trabalho há umas mongas que ciclicamente se lembram de fazer dieta. Vai daí é beber cenas detox, chás e meter comprimidos ao bucho como se de repente fossem todas virar umas Sara Sampaio. Tenho uma coisa para vos dizer:

-NÃO VÃO! VÃO CONTINUAR GORDAS E A MATAREM-NOS COM O CHEIRO QUE DEIXAM NA CASA DE BANHO!!!! 

Mas 'tá tudo parvo ou quê?! Então é assim tão dificil perceber que fazer dieta não é isto?

Comem que nem umas lontras o ano inteiro. Não levantam o cú da cadeira nem para atender o telefone . Chega a abril, bora lá beber cenas detox para em agosto estar impecavel!

Juro que um dia meto uma máscara de gás à porta da casa de banho só para ver se assim se mancam. Dasssssss...

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Telemóveis ...os terços do século XXI

por Pequeno caso sério, em 29.03.16

Tinha um amigo que mexia no telemóvel várias vezes por minuto . Ok, ele usava-o também como relógio mas ainda assim era muito. Lembro-me de o repreender várias vezes por roer as unhas e por mexer nessa geringonça do demo que tanta dependência  criou. Em TODOS nós!

Já cheguei a voltar a casa por me ter esquecido do telemóvel e das vezes que não o fiz, levei o tempo todo com uma  sensação esquisita. 

Pus-me a pensar nisto a sério e, coincidência ou não, apanhei um programa de televisão que abordou o assunto. Concordo em muito com o que lá foi dito.

O telemóvel é o equivalente  ao  terço religioso ou seja as pessoas têm necessidade de ter qualquer coisa de material entre as mãos para se acalmarem...para não se sentirem sozinhos, para sentirem que continuam ligados ao mundo. Mas será que estão mesmo?

Hoje em dia já quase não há porteiras mas também não é preciso. O facebook desempenha muito bem essa função . Sem sair de casa conseguimos saber a vida de toda a gente. 

Também há o instagram onde vemos de tudo : desde o que se comeu, onde fomos,com quem estamos...tudo devidamente filtrado a cor de rosa. Ah que maravilha!

Acontece que a vida não é sempre cor de rosa e tenho para mim que 90% das pessoas que passa a vida a postar coisas seja em que plataforma for, deve ter uma vida bem cinzenta.

Cá em casa somo  três. Eu uso bastante o telemóvel e dificilmente passa um dia sem que a ele recorra. O P. é dos três o menos dependente. E depois temos a adolescente da casa...viver sem telemóvel ?! E isso lá é possível?

Ainda assim há uma regra: à mesa não há telemóvel!

Então o que fazemos à hora das refeições? F-A-L-A-M-O-S! Ainda que na maior parte das vezes a TV esteja ligada em ruído de fundo mas falamos sobre como foi o dia, alguma coisa que nos esteja a aborrecer, alguma notícia que esteja a dar enfim...o que calhar.

É assustador passar por um grupo de adolescentes e vê-los a todos agarrados ao telemóvel. Estão em grupo sim senhor, mas cada um com a sua geringonça do demo. Não se olham nos olhos. Pouco falam. 

Estamos a criar uma geração mecanizada desprovida de vínculos afetivos e que procura respostas para  tudo no mundo virtual .

Sempre quero ver o que vão fazer quando alguém lhes fizer uma pergunta que exija uma resposta imediata e para a quel não possam recorrer à ajuda do telemóvel / internet . Temo bem que a resposta possa ser qualquer coisa deste género :

No found research. Please try again.

 

 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Setubalenses

por Pequeno caso sério, em 28.03.16

O Setubalense tem um dialeto próprio: carrega nos "erres", acrescenta "is" quando pode, substitui os "o" por "e" quando lhe apetece, absorve  e aplica com frequência  o "ããã" vindo do alentejo .

Acima de tudo é uma malta criativa que inventa palavras a uma velocidade espantosa.

Conselho: não gozem com um setubalense ou arriscam-se a levar "um banane dum ôlhe" ou então " um soque pus bêces".

 

Ora atentem neste diálogo que ouvi numa esplanada:  

 

-ah miga, vais ó Jumbe?

-Nãããã melherrrr...vou ao Alegrrrrreeee.

-e vais a peiiii?

-nããã melherrrrr ,vou da caminete qu 'aquela merrrda  'inda é longe !

-ah pois eiiiii ...e vais sózinhããã?

-não...leve  a 'parriga pequena ...quê cá tenhe mede das 'cades .

-das'cades? 'cais 'cades?

-das 'cades  rrrelantes melherrrr !!!!

-ah parrrriga...és même dahhh...segurrras do corrrrrimão e já nã tens prrroblema denhum!!!

-ah pois eiiiii...boa ideiããã.

-tameim podes irrr du elevadorrr.

-pois posse mas insse 'inda é piorrrr.

-piorrrr  purquein?

-ê tenhe mêde de 'tar fechada dentrrre daquela caxa de vidrrre!

-ai melherrrrr és même cagarrrrrola!!!

( tradução? )

 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Conversas com gente miúda #4

por Pequeno caso sério, em 27.03.16

Contexto : 

Escola RURAL. Nove e meia da manhã . Professora e aluno estavam sentados na mesma mesa . Professora ajudava o aluno a fazer as letras que estava a aprender quando o aluno dá um valente arroto e fica no ar um cheiro que parecia  que estavam na zona de charcutaria do pingo doce. Repito: nove e meia da manhã.

Desenvolve-se a seguinte conversa:

 

Prof- Ó "zézinho", o que é que costumas comer ao pequeno almoço?

Zézinho- Depende.

Prof- Depende de quê?

Zézinho- Depende do que a minha avó tiver lá em casa! Pode ser leite com café...cereais...pão com torresmos...ou então com linguiça.

Prof- Torresmos?!!! Linguiça?!!!! Então mas tu comes torresmos e linguiça ao pequeno almoço todos os dias ?!!?

Zézinho- Não! Achas?!!!

Prof- Ah, ainda  bem! 

Zézinho- A maior parte das vezes como chouriço!!! 

 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Frases feitas

por Pequeno caso sério, em 26.03.16

acontece.jpg

 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Abraços

por Pequeno caso sério, em 25.03.16

Há qualquer coisa de muito mágico quando se dá ou recebe um abraço.

Quando o abraço é verdadeiramente sentido é dado de olhos fechados.

Nem sempre o conseguimos fazer com a força proporcional ao que sentimos porque às vezes a força também falta... ou por surpresa , ou pelo  tamanho da saudade que não cabe mais em nós , ou pelo que se tinha pensado dizer mas não se consegue...ou por se temer que talvez seja o ultimo.

Dar um abraço é um momento de total fragilidade emocional daí que,para mim , seja difícil fazê-lo de forma gratuita  (nunca o fiz).

No momento em que abraçamos conseguimos guardar o cheiro do outro, ouvir o seu coração a bater, estar verdadeiramente ali  e não querer estar em mais lado nenhum.

Quando damos um abraço nem imaginamos o quanto esse abraço nos poderá marcar  e quanto tempo demorará a decompor-se em nós. Talvez nunca se decomponha. 

Os melhores abraços são sempre os desajeitados, longos e...silenciosos.

Porque um abraço sentido não precisa de palavras.

Precisa apenas de silêncio e de verdade. 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Última hora!

por Pequeno caso sério, em 24.03.16

O Intermarchê diz que vende Garoupa legítima.

Pergunto eu :

-Mas o Garoupa tem amantes?!?!

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

A cor do horto gráfico

por Pequeno caso sério, em 24.03.16

(não é meu...chegou-me via email através de uma colega mas achei que devia partilhar. Gosto que quem me lê esteja atualizado)

 

Última atualização do dicionário de língua portuguesa - novas entradas:(deve ser lido tendo em conta o Português falado no Brasil)

Arbusto: Busto com um certo ar
Testículo: Texto pequeno
Abismado: Sujeito que caiu de um abismo
Pressupor: Colocar preço em alguma coisa
Biscoito: Fazer sexo duas vezes
Bigode: Duplo Deus britânico
Coitado: Pessoa vítima de coito
Padrão: Padre muito alto
Estouro: Boi que sofreu operação de mudança de sexo
Democracia: Sistema de governo do inferno
Barracão: Proíbe a entrada de caninos
Homossexual: Sabão em pó para lavar as partes íntimas
Ministério: Aparelho de som de dimensões muito reduzidas
Detergente: Acto de prender seres humanos
Eficiência: Estudo das propriedades da letra F
Conversão: Conversa prolongada
Halogéneo: Forma de cumprimentar pessoas muito inteligentes
Piano: Ano Internacional da descoberta de Pi (3,1416)
Expedidor: Mendigo que mudou de classe social
Luz solar: Sapato que emite luz por baixo
Cleptomaníaco: Mania por Eric Clapton
Tripulante: Especialista em salto triplo
Contribuir: Ir para algum lugar com vários índios
Aspirado: Carta de baralho completamente maluca
Assaltante: Um 'A' que salta
Determine: Prender a namorada do Mickey Mouse
Vidente: O que o dentista diz ao paciente
Barbicha: Bar frequentado por gays
Ortográfico: Horta feita com letras
Destilado: do lado contrário a esse
Pornográfico: O mesmo que colocar no desenho
Coordenada: Que não tem cor
Presidiário: Aquele que é preso diariamente
Ratificar: Tornar-se um rato
Violentamente: Viu com lentidão

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/4






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.