Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Hoje não há post pra ninguém !

por Pequeno caso sério, em 24.11.17

'Tão e  porquê?- perguntam vocês armadas em cuscas e já todas cagadas que eu desapareça das vossas vidas.

 

Têm nada a ver com isso!

Mas  como sou muito boa pessoa, vou partilhar.

 

Não há post porque vou aproveitar aquele dia do ano dedicado ao gajedo e àquilo que mais gostamos de fazer e que, segundo "alguém" que conheço , compensa muito devido aos graaaaaandes descontos * :

 

A black staisse !

 

que , vai-se a ver, não são descontos merda nenhuma pois os produtos que temos debaixo de olho foram aumentados há poucos dias para que hoje o desconto pareça mesmo bom. Na realidade vamos  pagar o mesmo que pagaríamos antes de serem aumentados mas que na altura não comprámos porque eram caros. Gajas. Uma canseira.

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Se pensa que já ouviu tudo, desengane-se #13

por Pequeno caso sério, em 23.11.17

 

Conversava com uma colega de trabalho sobre as diferenças de temperatura que se sentem durante o dia.

 

ela- ai pá, não se pode com este frio!

eu- é...mas estamos em novembro, portanto não me parece assim tão grave.

ela- ai pá está bem, mas tu já viste a diferença de temperatura durante o dia? eu nem sei bem o que vestir !

eu- traz roupa mais leve por baixo e um casaco mais quente que podes tirar.

ela- 'tá bem mas o que me chateia mesmo é o frio no pescoço

eu- tens bom remédio, usas um cachecol .

ela- ai credo que horror! um cachecol! Ainda está muito calor para isso! Quando muito trago uma encharpe.

eu (já a salivar de incredulidade e com o radar da parvoíce ligado) - uma quê?

ela (soletrando com ironia do alto da sua sapiência)- uma  en- char-pe ! Não me digas que não sabes o que é?!

eu (já com os pulsos completamente escortanhados) :

 

echarpe, caralho! Echarpe!)

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Feitio de gaja, pá!

por Pequeno caso sério, em 22.11.17

Aviso já que não percebo nada de bola.

Contudo, a página de facebook do Bruno de Carvalho está na ordem do dia e eu também tenho umas coisas a dizer sobre o assunto.

 

Confesso que dei umas boas gargalhadas mas ainda não decidi se foi o meu lado sádico que adora ver o circo pegar fogo , se foi o meu lado "normal" que , a cada frase que lia , ia ficando de queixo caído com o que um presidente de um clube desportivo com a dimensão (e responsabilidade) do Sporting  é capaz de escrever e/ou fazer (relembro aqui a célebre cuspidela ao presidente do Arouca) .

 

Analisemos então, de forma resumida, as principais "pérolas" na ótica de Bruno de Carvalho:

 

paineleiro- para quem (como eu) pensou que o que Bruno Carvalho queria dizer  paneleiro, afinal...enganou-se. A palavra paineleiro , aparentemente, refere-se a alguém que é participante numa reunião e que, em conjunto com outras pessoas, num formato de auditório público, comentam, debatem, e respondem sobre um determinado tema. Assim sendo,lamento mas Rui Santos é mesmo um paineleiro desportivo. 

 

cabelo gourmet- um cabelo retro assim parecido com o Marco Paulo ou o Serafim Saudade.Que entretanto Rui Santos já cortou.

 

afetas- primas das aftas,  são umas lesões na boca das quais, Rui Santos, graças a Deus nosso senhor, não padece. É paineleiro, sim senhor, sem afetas.

 

piquinho a azedo- ser mesquinho, vingativo,mexeriqueiro e intriguista. Na minha terra, piquinho a azedo é outra coisa mas se Bruno de carvalho diz, quem sou eu para desmentir ?

 

paineleiro extra- o Adónis dos paineleiros, ou seja, Rui Santos.

 

idade- uma coisa que dá nas 'ssoas e que as assemelha ao vinho : umas ficam magnifícas, outras azedam e nem para vinagre servem- como o Rui Santos.

e

a maior pérola de todas

 

feitio de gaja-  não saber lidar/dominar o seu ego e não saber encaixar uma crítica.

 

 

Da ultima vez que v i- há 10 minutos atrás quando fui mudar a água às azeitonas - eu era uma gaja MAS não me identifico com o que Bruno de Carvalho diz sobre o feitio das gajas...

 

Querem lá ver que afinal não sou uma gaja? 'Tão e o que é que faço aos 1457 pensos higiénicos que tenho de reserva, hum?! 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Adivinhem lá...

por Pequeno caso sério, em 21.11.17

...o que é que diz um trabalhador da fábrica das louças das Caldas da Rainha ,sexta-feira às cinco da tarde?

 

a) ai que bom que já é fim de semana !

b) ora porra que vou deixar o Zé Povinho a meio.

c) não faço nem mais um caralho!

 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Thumbs up

por Pequeno caso sério, em 20.11.17

Mandaram - me via facebook. 

Achei tão bom que resolvi partilhar e ,só para que conste, li tudo até ao fim.

 

20171115_235857.jpg

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sapos do Ano 2017

por Pequeno caso sério, em 17.11.17

 

 

 

No dia 2 de agosto de 2016 , a propósito da iniciativa que se criou na altura chamada Blogs do Ano , escrevi isto.

 

Ora, a sôdona Magda resolveu passar das palavras aos atos e vai que criou uma coisa semelhante , mas em bom. Ou seja, cada um de nós pensa nos blogs que mais gosta e tenta encaixá-los nas seguintes categorias:

Opinião

Humor

Livros

Moda

Poupar

Música

Fotografia

Comida,

Família

Generalista

 

Para a coisa valer têm duas formas de o fazer:

Ou fazem-no à coninhas e mandam a coisa por mail à Magda (magda.pais@gmail.com)  ou , fazem como eu, e na caixa de comentários assumem a coisa publicamente.

 

'Tão mas olha lá Pequeno caso sério, e só podemos votar em blogs do Sapo?

 

É que eu já estava admirada que não viessem as perguntinhas, dasss!

Não. Podem votar em quem quiserem, sejam blogs do bairro Sapo, ou não. Eu própria fiz duas nomeações fora deste bairro.

  

''Tão e pode-se nomear até quando?

 

Até 25 de novembro. Depois disso, os cinco mais nomeados de cada categoria serão revelados e a Magda explicará como será a seguir.

 

Tão e ganha-se o quê?

 

Foda-se... É que só pensam em bens materiais...impressionante. 

Não se ganha nada, pá ! É mesmo só pelo prazer e pela rambóia de participar e revelar ao mundo aqueles talentos escondidos (cof , cof, cof) que metem as rosinhas desta vida no chinelo.

 

'Tão e tu querias que a gente te nomeasse, pois era?

 

Óbvio ! Se acharem que mereço,  e apesar de não existir a categoria gaja-que-não-tem-a-roupa-toda-na-mala , é só lá irem  e encaixar-me na categoria mais próxima daquilo que faço e que me é tão natural como  respirar : Humor.

Para além disso tenho aqui um belo vestido de noite para usar na gala que se vai realizar no Panteão, onde farei um lindo discurso adequado à altura. A after party será, obviamente, no Urban.

 

 

Agora vá, ide lá ao cantinho da Magda nomear quem quiserem EU . Obrigada.

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quase normal. Quase.

por Pequeno caso sério, em 16.11.17

Sabem aquelas gajas que conseguem estar sempre impecáveis, elegantes dos pés à cabeça? Pois. Eu claramente não sou uma delas.

Até quando pareço uma 'ssoa normal há sempre algo em mim que descamba.

Não acreditam?

 

Olhem só o "miminho" que a minha filha me enviou via messenger com a seguinte  legenda :

"dedicado a ti😂😂 "

 

2017-11-15 23.25.10.png

 

 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Boca no trombone # 6

por Pequeno caso sério, em 15.11.17

Uma das coisas que mais me fascina no inverno é a tonalidade que a maioria das 'ssoas exibe, eu incluída. Mentira. Fascina nada.

O que verdadeiramente me fascina é como é que a taxa de suicídios não dispara sempre que alguém tem de se cruzar comigo sem estar photoshopada.

Adiante.

 

Para tentar disfarçar este ar de lula deslavada e tapar algumas das manchas que me foram aparecendo com o avançar da idade, achei por bem começar a usar uma base.

Primeiro usei isto :

 Depois, ia a meio do frasco, encantei-me com isto:

E assim andei, feliz e contente  a achar que estava a fazer uma grande coisa quando um dia, a sôdona Filipa me diz que "mais valia borrar a cara toda com merda a usar isto".

 

Lembro-me que , há muito tempo , lá no seu blog, a sôdona Filipa recomendou uma base ,assim pra lá de espetacular, e que ainda por cima não era cara.

Como levo muito a sério tudo o que esta senhora diz, fui à Sephora mais próxima e lá experimentei a dita . Digo-vos que vim assim um 'cadinho para o decepcionada mas a probabilidade de ter sido eu a fazer merda também era grande, maneiras que deixei-me estar sogadita.

 

Há uns dias, eu e ela, voltámos a falar no assunto e disse-lhe que não tinha achado a base lá grande coisa. Ela, com aquele ar doce e meigo que lhe é característico, lá me recomendou que fizesse a coisa como devia ser pois aquilo é que era mesmo bom.

Lá fui, a caminho da Sephora para dar uma segunda oportunidade à base renegada.

 

Primeira aventura: encontrar o tom certo para mim. E adivinhem lá quem é que o encontrou?

A funcionária? Nã.

O homem do talho? Também não.

Eu mesma? Não senhor que eu não percebo nada disto.

Quem descobriu o tom certo para mim foi o meu marido. Ah pois é que o casamento não é só tufa-tufa. Queres deixar de foder uma lula então tens de descobrir maneira de tapar a merda que o tempo tem feito. Ólarecas!

 

Tom certo descoberto, passei à ação.

Gajedo do meu Portugal e gajedo residente no estrangeiro que por aqui esvoaça:

 

Se quererdes uma base que não vos deixe com um ar betumoso, que não vos deixe oleosas, que tape a grande maioria da merda que querem esconder e tudo isto, sem gastar o equivalente ao PIB , eis aqui a menina dos meus olhos:

 

 

Chama-se Born this way da marca Too faced.

Comprei na Sephora por (mais ou menos) 37 euros mas também se vende on line. Não aconselho esta modalidade se for uma primeira vez porque há a questão da cor. Mas vocês é que sabem. Se querem sentir a adrenalina ao máximo e escolher uma base sem experimentar , por mim tudo bem. O guito é vosso, fazei com ele o que quiserdes.

 

Maneiras que, resumindo, há duas coisas a reter :

Sim Filipa, andava a usar merda.

Sim Filipa, tinhas razão.

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ode ao frio

por Pequeno caso sério, em 14.11.17

Ó frio, meu querido frio

já tinha saudades tuas

estava já um bocado farta

de ver 'ssoas semi nuas

 

Chegaste de repente

ó meu grande cabrão

tenho nada que me sirva

a culpa? Foi do verão.

 

E o fumo das castanhas

que se entranha numa 'ssoa?

Que maravilha!

Ao menos assim  ninguém repara

no tamanho da bilha.

 

Ó frio, meu querido frio

já tinha  saudades tuas

o nariz sempre a pingar

vá lá, não me obstruas

 

É também por esta altura

que chegam as frieiras

dão uma comichão infernal

estragam-me unhas inteiras

 

Volta uma gaja aos casacos

aos gorros e às meias

Andamos todas enchouriçadas

 cada vez mais brancas e  feias

 

E como a ode vai longa

vamos já acabar

não sem antes porém

um conselho deixar:

 

Se tendes frio nas partes

e o  frio as encolhe

não vos preocupeis mais

que pra elas ninguém olhe

 

depressa irão ao lugar

sem dar muito trabalho

basta pôr frente a frente

a patareca

e o caralho

 

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Dicotomias

por Pequeno caso sério, em 13.11.17

Eu na sala com a lareira a bombar

 Eu no quarto que fica no lado oposto da sala

 

 

 

 Eu , 'tarda nada 

 FUGEM 'quisté pegadiço!

csscissors.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.